22.2 C
Espigão d\'Oeste,RO
quinta-feira, abril 27, 2017

Arquivos diários: 9 de abril de 2017

Nilton Capixaba visita Espigão do Oeste, anuncia compra da Van para o GAPCS e convida Décio Lagares para o PTB

O coordenador da bancada federal de Rondônia, deputado federal Nilton Capixaba ( PTB-RO) esteve em Espigão do Oeste no dia de ontem e, na parte da manhã participou de uma reunião na casa do ex-vereador Décio Lagares.

O encontro organizado por Décio Lagares, contou com a presença do prefeito Nilton Caetano, os vereadores Devair da Silva, Genésio Matheus, Aluízio Lara e a vereadora Lirvani Storch, Loremar Kalke (Louro) vice-prefeito de Cujubim e o presidente da Câmara de São Felipe Cícero Leite (Espeto). Estavam presentes também, colaboradores do GAPCS representados pela coordenadora da entidade a senhora Loici Giacomolli que fez uso da palavra. (00:11 – ver vídeo)

O prefeito Nilton Caetano agradeceu o convite e ressaltou que o momento é de pensar o melhor para Espigão do Oeste. Tendo certeza que todo esse movimento político será benéfico para o município. Caetano disse ainda que o município se encontra aberto a todos que queiram somar com o progresso da cidade. (01:11 – ver vídeo)

Recursos

Nilton capixaba anunciou que apesar do corte no orçamento de 30% feito pelo governo federal, a emenda de R$ 1,2 milhão para a obra na Avenida Sete de Setembro estar confirmada e não será necessária fazer nenhuma adequação no projeto que vem sendo feito.

Ainda falando dos recursos, Nilton Capixaba lembrou que em poucos dias estará entregando um trator para a Associação do Rio Claro, que foi um pedido do ex-vereador Serverino Schulz.

GAPCS

Para o GAPCS o deputado anunciou que já foi comprada uma Van para o GAPCS que foi pedido feito pela deputada Lucia Tereza. Em poucos dias será entregue para a entidade, restando tão somente atender ao processo burocrático.

Programa Doutor Sociedade

Ao meio dia, o deputado participou do programa Doutor Sociedade (clique aqui e veja a entrevista na íntegra) que é apresentado por Marco Kobayashi e Roney Ribeiro na Mega 96,9 FM, na oportunidade falou de seu trabalho na Câmara Federal em defesa dos interesses de Rondônia. Assuntos como a reforma da previdência fizeram parte da pauta da entrevista.

Continua depois da publicidade

Inspeção em frigoríficos de Rolim de Moura confirma qualidade da carne de Rondônia

Responsável por 53% das exportações, a carne bovina rondoniense está passando por uma inspeção minuciosa nos frigoríficos antes da comercialização nos mercados consumidores interno e externo. Técnicos de órgãos do governo estadual e do Ministério da Agricultura estão fiscalizando os procedimentos adotados em 11 unidades aptas à exportação, todas elas com o Selo de Inspeção Federal (SIF).  A cadeia produtiva da carne emprega 15 mil pessoas diretamente em Rondônia.

A vistoria nas plantas frigoríficas tem o objetivo de apurar in loco os procedimentos adotados nos estabelecimentos no que diz respeito ao abate e carregamento da carne resfriada. Os olhares dos técnicos estão atentos ao cumprimento das exigências sanitárias e de higiene estabelecidas pelos órgãos competentes.

Na primeira inspeção ocorrida nessa quinta-feira (6), em Rolim de Moura, os técnicos gostaram do resultado final da revista às instalações frigoríficas, desde o desembarque do boi vivo ao carregamento da carne embalada. Nesta sexta-feira (7), a força-tarefa segue inspecionando em Vilhena.

As normas estão sendo cumpridas à risca nesta planta frigorífica. Isso quer dizer que a carne tem excelente procedência, atestou o superintendente federal de Agricultura em Rondônia, Valterlins Calaça.

“O que certificamos aqui é que o trato com a carne está dentro dos padrões exigidos. Esta varredura que estamos fazendo nos frigoríficos é oportuna em razão do potencial produtivo rondoniense”, avaliou o secretário estadual de Agricultura, Evandro Padovani, que nesta força-tarefa conta com a participação de técnicos da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril de Rondônia (Idaron).

“Os cuidados com a carne começam lá no campo, com o produtor obedecendo às regras de sanidade e orientações dos técnicos da Idaron”, entende Alex Guaitolini, membro da Federação da Agricultura e Pecuária de Rondônia (Faperon).

O Chile, um dos países mais exigentes na importação de carne bovina rondoniense, é o principal mercado estrangeiro do frigorífico inspecionado em Rolim de Moura. A empresa que emprega 750 pessias e abate diariamente 750 animais, mantém relações comerciais com Dubai, Argélia, Rússia e Cingapura.

A inspeção foi acompanhada pela imprensa local e por representantes de instituições ligadas à cadeia produtiva da carne, como pecuaristas, membros da Faperon, do Sindicato Rural de Cacoal e da Federação da Indústria de Rondônia (Fiero).

Continua depois da publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade