Portal Espigão
Informação a Serviço da População

Operação “Ara Pacis” é deflagrada pela Polícia Civil em Buritis

Na manha desta quinta-feira (08/12), a Polícia Civil do Estado de Rondônia deu início a Operação Ara Pacis que visa combater os crimes dolosos contra a vida no município de Buritis e Campo Novo de Rondônia. A ação foi comandada pelos Delegados Dr. Lucas Torres,  Dr. Niki Locatelli e Dr. Fred Matos, integrantes da Delegacia Regional de Ariquemes, chefiada pelo Delegado Regional Dr. Rodrigo Duarte.

De acordo com o Delegado titular do município de Buritis, Dr. Lucas Torres,  foi criado no âmbito da 1ª Delegacia de Buritis o Grupamento de Homicídios e Operações Táticas (GHOST) com objetivo de trabalhar diretamente com este tipo de crime. “O grupo especialista da Delegacia, intensificou durante o mês de novembro as investigações de crimes de homicídios culminando na expedição pela Justiça de 14 mandados de busca e apreensão e 19 mandados de prisão, todos referentes a crimes contra a vida”, explica o Delegado.

Ainda de acordo com informações dos Delegados, a atuação em nível estadual decorre da identificação de infratores que, após praticarem crimes na Comarca de Buritis, buscam esconderijo em outros municípios, por isso, a Operação também acontece nas cidades de Vilhena, União Bandeirantes, Mirante da Serra, Ouro Preto do Oeste e Rolim de Moura. Vale ressaltar que os infratores foram localizados pelas equipes de investigação da Polícia Civil antes da Operação e estes responderão a Justiça Criminal pelos crimes praticados.

O Delegado titular em Buritis, Dr. Lucas Torres, revela ainda que “o Grupamento de Homicídios e Operações Táticas (GHOST) continuará suas atividades investigativas com o objetivo de reduzir os índices de crimes contra a vida na região de Buritis e no Vale do Jamari, combatendo a criminalidade de forma especializada e eficaz”, comenta Dr. Lucas.

Ara Pacis é um altar dedicado pelo imperador romano Augusto em 30 de janeiro de 9 a.C. à deusa Pax (Paz), para celebrar o período da Pax Romana. De fato, a 5 de julho de 13 a.C., o senado decidiu construir um altar dedicado a esse feito em ocasião do retorno de Augusto de uma expedição pacificadora de três anos na Hispânia e na Gália meridional. O nome anuncia um novo tempo de paz em Buritis/RO.