Publicidade

Durante a solenidade de inauguração da Agência de Rendas de Presidente Médici, o governador Confúcio Moura incentivou os pequenos produtores rurais da região a plantar café.

“O café é um produto que movimenta a economia do estado”, destacou o governador, otimista com o crescimento da produção do grão em Rondônia.

Continua depois da publicidade

Confúcio fez um apelo direto ao produtor rural: “troque o plantel, melhore a genética do rebanho e dobre a produção do leite, mas também plante uma área de café”.

Esta comparação utilizada pelo governador está associada ao hábito do pequeno produtor em manter o investimento apenas no gado leiteiro.

“O café é um produto rico, traz ganhos reais ao produtor e alavanca a economia da região”, disse Confúcio Moura, motivando o agricultor a plantar até cinco hectares da espécie Conilon em cada propriedade.

Rondônia é o quinto maior produtor de café do Brasil, o segundo de Robusta, e apresenta ganho de produção significativo. Entre 2011 e 2015, a safra do Conilon triplicou, batendo a marca de 1,8 milhão de sacas. Para 2018, a meta é colher três milhões de sacas, segundo estimativa do governador.

A Conilon BRS Ouro Preto, por exemplo, é uma cultivar clonal desenvolvida especialmente para produzir bem em Rondônia. A espécie apresenta excelente produtividade e rendimento. Dados da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) apontam que a BRS Ouro Preto permite produção de 80 sacas por hectare, sem irrigação, e, em área irrigada, a produção pode chegar a 130 sacas, por hectare.

Fonte

Texto: Paulo Sérgio
Fotos: Paulo Sérgio
Secom – Governo de Rondônia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.