Connect with us

Featured

PM é preso após agredir a ex com socos no Dia Internacional da Mulher

Redação

Published

on

Um policial militar de 31 anos foi preso em flagrante, na tarde desta quarta-feira (8), suspeito de agredir a ex-mulher com socos, uma estudante de 21 anos, em Porto Velho. Conforme a Polícia Militar (PM), a agressão ocorreu na casa da vítima, no Dia Internacional da Mulher, após o soldado ir levar um remédio à vítima.

Depois de ser preso, a mulher contou aos policiais que durante a agressão o homem atirou com o revólver, mas a bala atingiu e danificou as porta dos fundos da residência. O PM negou as agressões em depoimento.

A ocorrência, registrada como “lesão corporal – violência doméstica”, aconteceu na residência da vítima, Bairro Nova Floresta, na Zona Sul da capital. De acordo com o registro policial, a jovem disse que o ex-marido foi à casa dela para pegar o filho e levar a um posto de saúde e, sem motivo aparente, passou a agredi-la com socos. Em seguida efetuou um tiro que atingiu a porta dos fundos da residência.

Depois do disparo o militar saiu, mas voltou logo em seguida procurando o aparelho celular dele. A estudante então saiu pela porta dos fundos e acionou a polícia. Quando os policiais chegaram ao local o PM estava parado, em frente à casa da ex-esposa.

Os agentes fizeram então uma revista no militar e no veículo dele, mas nenhuma arma foi localizada. Questionado sobre a agressão, o policial negou as agressões e afirmou que teria sido atacado pela vítima antes.

O suposto agressor disse ainda que não estava armado e que a mulher teria se apropriado do aparelho celular dele. O caso foi registrado na Central de Polícia, onde o policial militar ficou preso.

Comentários Facebook

Featured

Empresário sul coreano visita produtores rondonienses e estuda exportação de produtos locais

Redação

Published

on

Começa a dar resultado a visita que o vice-governador Daniel Pereira juntamente com o Superintendente de Desenvolvimento Estadual  (Suder), Basílio Leandro Oliveria fizeram a capital da Coreia do Sul, Seul, no período de 28 de julho a 8 deste mês, onde apresentaram o arroz, açaí, café, carne bovina, castanha do Brasil, cupuaçu, milho, peixe e soja de Rondônia aos empresários daquele pais.

 “Estou aqui para comprar produtos de Rondônia para serem comercializados no meu país”, disse o empresário sul coreano Marcelo Lee, da Rok Gear Brazil, ao visitar Bruno Assis, responsável pela Amazônia Coffee, a marca que tem apenas dois anos e conseguiu conquistar casa especializadas e cafeterias devido à alta qualidade do produto genuinamente rondoniense. Acompanhado do Superintendente da Suder, Basílio Leandro de Oliveira, a visita aconteceu na tarde de ontem (16), em Porto Velho.

Bruno Assis disse ao empresário Marcelo Lee que no primeiro concurso que Amazônia Coffe participou, para medir a qualidade do café, o fruto rondoniense alcançou a nota de 87,5 pontos. Apenas 1% do café produzido no mundo está acima de 80 pontos.

Até sábado (19) o empresário sul coreano Marcelo Lee se encontrará com produtores de polpa de frutas, de couro de tambaqui, jacaré e  boi, criadores de peixe e gado, e empresários ligado a exportação de madeira e móveis dos municípios de Porto Velho, Ariquemes, Ji-Paraná e Rolim de Moura.

Fonte: Assessoria

Comentários Facebook
Continue lendoo

Espigão do Oeste

Paternidade das ambulâncias!

Redação

Published

on

Adaptado: Autor Duke

Comentários Facebook
Continue lendoo

Featured

Em Rondônia, deputados estaduais vão ganhar auxílio alimentação de R$ 6 mil/mês; Hermínio Coelho disse ser contra

Redação

Published

on

Passou a circular na internet, um foto que mostra a publicação feita no Diário Oficial nesta quinta-feira (17), aonde fica instituído que o auxílio alimentação dos parlamentares da Assembleia Legislativa de Rondônia, será de R$ 6.000,00 (seis mil reais) por mês.

Hoje o salário mínimo do trabalhador brasileiro é de R$ 937,00 (novecentos e trinta e sete reais), dessa forma cada deputado deverá ganhar quase 6 (seis) salários e meio por mês, apenas para custear sua alimentação.

Por ano isso deverá custar aos cofres públicos em média R$ 1.728.000,00 ( um milhão, setecentos e vinte o oito mil reais).

Hermínio Coelho

Após a repercussão nos grupos de WhatsApp e no facebook, o deputado estadual Hermínio Coelho (PDT-RO) enviou um áudio no grupo de Whatsapp dizendo que é contra o aumento de regalia e que na próxima terça-feira ele irá propor junto com o deputado Maurão de Carvalho a revogação da resolução. (Ouça abaixo o áudio do deputado)


Veja a resolução na íntegra:

RESOLUÇÃO Nº 377, DE 16 DE AGOSTO DE 2017.

Institui o Auxílio Alimentação Parlamentar. A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE RONDÔNIA aprovou, e eu promulgo a seguinte Resolução:

Art. 1º. Fica instituído o Auxílio Alimentação aos Parlamentares da Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia, no valor mensal de R$ 6.000,00 (seis mil reais).

Art. 2º. Fica revogado o inciso VI e alíneas a, b, c e d do artigo 2º da Resolução nº 262, de 26 de maio de 2014.

Art. 3º. Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos financeiros a 1º de agosto de 2017.

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA, 16 de agosto de 2017.
Deputado MAURÃO DE CARVALHO Presidente – ALE/RO

 

Comentários Facebook
Continue lendoo
Advertisement

Mais visualizados