Portal Espigão
Informação a Serviço da População

Prefeitura limpa vagões da EFMM e prevê recuperação das peças da Maria Fumaça

Publicidade

Esta semana a Fundação Cultural de Porto Velho (Funcultural), realizou a limpeza dos quatro vagões da Maria Fumaça, na Praça da Estrada de Ferro Madeira Mamoré. Segundo o presidente da fundação, Antônio Ocampo Fernandes, o trabalho era uma demanda reprimida há três anos, desde a enchente de 2014.
“Tinha mais de meio metro de barro dentro dos vagões, e claro enterrando também as peças nos trilhos. Apesar de já estar endurecido, tivemos o apoio de dois caminhões pipa para cada vagão, em parceria com a Semusb, que também já está fazendo a retirada do entulho, mas o trabalho foi todo realizado por um único servidor da Funcultural, que com a ajuda da água e uma picareta, fez toda a limpeza delicada dos resíduos de dentro das peças”, explicou Ocampo.

O próximo passo, é a limpeza dos trilhos, para que as máquinas sejam puxadas até o galpão da oficina, onde devem ser recuperadas e ficarem expostas como patrimônio que são. “Ainda nesta sexta-feira nos reuniremos, às 9h, na fundação, para discutirmos o planejamento desse trabalho, e ainda a definição de datas para um fórum popular que deve acontecer em maio, contando a opinião da sociedade, sobre como o serviço de recuperação pode ser feito e como poderemos aproveitar melhor o espaço”, conta o presidente da Funcultural.

O galpão onde funcionava o clube Cibec, clube e danceteria, também está no planejamento de limpeza do presidente. “Vamos ter que quebrar uma parede para a máquina entrar e retirar todo o barro deixado pela enchente. Vamos recuperar o espaço, para uso social e de artesãos. Para o galpão central pensamos na instalação de um restaurante, e ainda faremos os boxes para os ambulantes próximo à margem do rio, onde também serão organizados os barcos de passeio, atracados próximo aos boxes”, planeja.

Publicidade

Ocampo prevê a contratação de segurança e o controle dos horários de abertura e fechamento dos portões. “Não é um trabalho a ser feito de uma vez só, mas o serviço já começou, existe interesse do prefeito em ver o espaço revitalizado, e certamente faremos desse lugar o que já deveria ter sido feito e não foi dado o devido valor”, concluiu.

Fonte: rondoniagora

Comments
Carregando comentários...