Publicidade

Uma forte chuva que durou cerca de quatro horas caiu na noite da última terça-feira (21) fez com que diversos moradores saíssem as pressas nos cinco bairros próximos ao Rio Mororó, em Jaru (RO), município a 290 quilômetros de Porto Velho. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o nível do rio subiu com extrema rapidez encobrindo pontes, galerias e invadiu quase 50 casas no Bairro Jardim dos Estados e Setores 1-A, 2, 5 e 6.

Conforme o comandante do 3º Grupamento do Corpo de Bombeiros, tenente Roberto Rodrigues Leal, os resgates às famílias atingidas perduraram até a madrugada desta quarta-feira (22), mas o nível do rio começou a abaixar após o término da chuva e normalizou durante a manhã.

“O nível do rio subiu muito rápido e alguns dos moradores não conseguiram retirar alguns móveis e eletrodomésticos a tempo e ficaram submersos. Prestamos os auxílios de resgate a diversas famílias e idosos, que nos solicitaram para serem socorridos. Eles foram levados para um local seguro até o meio da madrugada, para aguardar o rio abaixar”, relata.

O comandante dos bombeiros ainda relatou que os moradores estão acostumados com a elevação do Rio Mororó nesta época do ano, mas muitos deles afirmaram não terem presenciado uma enchente tão grande nos últimos 20 anos.

“Todas as pontes e duas galerias recém-construídas que atravessam o rio ficaram totalmente submersas. As águas que transbordaram do rio chegaram a atingir quase dois metros em algumas das residências, o que deixou muitos dos moradores assustados”, explica Roberto.

O coordenador da Defesa Civil no município, Zeferino Rodrigues Santos, informou que o volume da água da chuva que caiu na noite de terça-feira não foi o único motivo para provocar a enchente. “Registramos um volume de 55 milímetros da quantidade de chuva que caiu, o que não causaria a inundação. Iremos realizar uma vistoria nas áreas próximas do rio, na quinta (23), juntamente com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente para poder detectar as causas da enchente”, revelou.

Ainda segundo a Defesa Civil, as fortes chuvas que caíram no distrito de Tarilândia fez com que o Rio Jaru atingisse a marca de 7,80 metros na manhã desta quarta-feira. O órgão está acompanhando a situação e caso o nível do rio chegue à marca de 7,97 metros, o estado de alerta deve ser considerado.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.