Portal Espigão
Informação a Serviço da População

Rondônia avança no fortalecimento da atenção básica a saúde com encerramento da etapa teórica das oficinas de planificação

0

Elas são a porta de entrada para aqueles que precisam de atendimento médico, mas as unidades de saúde básica de saúde de competência dos municípios enfrentam em todo o país muitos desafios para oferecer atendimento de qualidade. E aí que entra em cena a planificação, uma proposta de reorganizar esse primeiro contato do público com o SUS (Sistema Único de Saúde) que em Rondônia está na sexta e última etapa de oficinas teóricas.

De acordo com a coordenadora de Atenção Integrada a Saúde da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), Maria Zilma Conceição de Souza, a proposta está presente em 11 estados brasileiros com o apoio do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e em Rondônia o projeto piloto acontece Região de Saúde Café em seis unidades laboratoriais dos municípios de Cacoal, Pimenta Bueno; Espigão do Oeste, Ministro Andreazza; São Felipe do Oeste e Primavera de Rondônia.

‘‘Em um primeiro momento o secretário Williames Pimentel trouxe o drº Eugênio Vilaça Mendes que juntamente com gestores, funcionários da área as saúde e universitários discutiram como seria feito esse fortalecimento da atenção básica, posteriormente também tivemos a presença dos técnicos do Conass para expor o projeto para o Estado de Rondônia’’, afirma a gerente de Programas Estratégicos de Saúde da Sesau, Delcy Mazzarelo Cavalcante da Costa.

Os técnicos da Sesau foram capacitados para a implantação da planificação no Estado e desde abril são realizadas oficinas  para fortalecer a Atenção Básica direcionadas aos servidores das unidades básicas de saúde dos municípios integrantes da Região de Saúde Café.  A iniciativa avança para o encerramento das oficinas teóricas que acontecerão entre os dias 20 e 24 deste mês na Unesc, em Cacoal. ‘‘Nós vamos encerrar com seminário de prestação de contas mostrando todos os resultados alcançados em 2017’’, garante Zilma.

Esta é sexta oficina teórica de capacitação promovida pelo governo de Rondônia que também realiza paralelamente as oficinas tutoriais onde tutores do Estado acompanham os tutores municipais. Essas últimas continuarão sendo realizadas em 2018.

A coordenadora de Atenção Integrada a Saúde explica que o Estado não só tem apoiado e feito consultoria aos municípios, mas também tem atuado para garantir a compra de medicamentos e insumos de forma otimizada. ‘‘Estamos padronizando todas as ações e serviços, tudo que é realizado igualmente nas seis unidades de laboratórios que fazem parte dessa proposta. O governo tem dado apoio técnico, consultoria e disponibilizado a ata de registro para os municípios adquirem medicamentos e insumos de materiais odontológicos por um preço menor’’, esclarece.

‘‘Essa é a forma que o governo do Estado vem contribuindo para a apresentar a população do Estado de Rondônia uma saúde com qualidade’’, afirma a gerente de Programas Estratégicos de Saúde. A planificação vem para garantir uma nova fase da saúde pública no Estado com serviços de qualidade e  agilidade e garantir que um menor número de pessoas precisem recorrer as unidades de alta complexidade, essas sim de competência do Estado.

Source Secom Governo
Via Secom Governo
Comments
Carregando comentários...