Compartilhe
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
10
maio
2022

Atletas paralímpicos são homenageados com Voto de Louvor proposto pelo deputado Lazinho da Fetagro

De propositura do deputado Lazinho da Fetagro (PSD), a Sessão Solene realizada na tarde desta segunda-feira (09), na Assembleia Legislativa, homenageou atletas paralímpicos escolares, além de profissionais e equipe técnica, destaques nacionais no ano de 2021, com a entrega de Voto de Louvor no Plenário Deputada Lúcia Tereza Rodrigues dos Santos

Ao lado do deputado proponente da solenidade, compuseram a mesa de honra o coordenador da Superintendência da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel), Vanderlei Ferreira, o chefe de transporte escolar da Coordenadoria Regional de Educação (CRE-Porto Velho), Leonildo de Araújo, o gerente de Educação Física, Arte, Cultura e Esporte Escolar, Expedito Ferreira Santana, o presidente da Federação Rondoniense Paralímpica Escolar (Frope) Silvio Roberto Corsino, a fisioterapeuta e representando equipe técnica e voluntários, Edislaine da Silva, a professora Irani Oliveira, diretora geral da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e o atleta paraolímpico e representando todos os demais homenageados, Wesley da Silva Picetti.

Após abertura oficial dos trabalhos, o deputado Lazinho da Fetagro agradeceu a presença de todos e a oportunidade de poder, em seu mandato, homenagear cada um dos destaques do esporte paralímpico, a nível nacional.

“Quando fomos procurados pelo Expedito e pela professora Célia, eles nos expuseram o trabalho realizado por eles e, de imediato, entendemos a importância que é oferecer essa homenagem e mostrar para nosso estado de Rondônia que temos um público importante, que tem suas necessidades, sua realidade, um público que têm famílias e que muito mais, precisa ser mostrado, visto para ser um público reconhecido. Parabenizo ao Expedito e a professora Célia por terem nos dado essa ideia. Muito obrigado, é uma honra”, declarou Lazinho.

Para dar início aos pronunciamentos, a fisioterapeuta Edislaine da Silva parabenizou todos os pais que estão envolvidos no movimento paraolímpico.

“Antes de tudo queria falar em nome de três pessoas que nós perdemos. O Dan, nosso atleta, o Carlos e a Raquel. Como profissional, acompanhei os três e eles deveriam estar aqui e tenho certeza absoluta que eles estão. Independente de um pódio, de uma medalha, vocês são campeões, são diferentes e eu dou graças a Deus, por termos uma pessoa que foi taxada como louca, há mais de 20 anos, o professor Silvio Roberto Corsino do Carmo. Se hoje temos todo esse movimento, como todas essas pessoas que estão aqui e por todos que passaram pelo Rondônia Clube paraolímpico, uma instituição sem fins lucrativos, é que por vocês fazem toda essa diferença. Peço, em nome da Raquel, que vocês não deixem a chama paralímpica apagar. Vocês podem ganhar o mundo. Beijo no coração de vocês”, concluiu emocionada a fisioterapeuta.

Silvio Corsino, após um breve relato sobre sua família, agradeceu ao deputado pela homenagem aos atletas paralímpicos e destacou o movimento e competições organizadas pela equipe de Rondônia e associações e confederações nacionais.

“Essas entidades são como a CBF, Confederação Brasileira de Futebol. Para que todos nossos atletas do movimento paralímpico participem de competições de alto rendimento, e quando falamos sobre isso estamos falando de um ranking estadual, nacional e internacional. E nós temos nossos atletas, como o Wesley, o Matheus Evangelista que quebrou vários recordes internacionais de jogos paralímpicos como de jogos mundiais. Então é bom que todos saibam que devemos nos orgulhar dos nossos atletas paralímpicos, porque são guerreiros, batalhadores e lutam pela bandeira do nosso estado. Obrigada a todos que apoiam nosso movimento e parabéns a todos”, disse o professor.

O professor Expedito Pereira disse considerar que a homenagem proposta pelo deputado Lazinho representa uma valorização que, segundo ele, é preciso dar aos atletas paralímpicos de Rondônia.

“Hoje nós temos essa categoria dentro dos Jogos Escolares rondoniense, etapas olímpicas e paralímpicas. E podemos afirmar que somos referência dentro do país. Já tivemos aqui em Rondônia, membros do Comitê Olímpico do Brasil e que já participaram das nossas etapas, e com isso, muitos gestores de outros estados brasileiros já se colocaram à disposição para fazerem visitas dentro dos nossos jogos escolares. E reforço o reconhecimento ao professor Silvio Corsino, precisamos de muito mais pessoas como ele, assim como o professor Amarildo Lins. Parabéns professores e atletas paralímpicos”, agradeceu.

Representando a Coordenadoria Regional de Educação de Porto Velho, Leonildo Araújo citou que é no dia a dia e no espírito de cooperação e dedicação que se constrói uma sociedade mais inclusiva.

“O dia a dia que cada um dos nossos atletas dispõe do seu melhor, faz com que nós também sejamos melhores. Na década de 80 participei do Seminário Internacional de Inclusão e naquele evento, um filósofo disse algo que me chamou atenção. Segundo ele, nós, que não temos necessidades especiais, quando crianças, nos foi negado o direito de conviver com os outros, sendo assim, a violência foi com a exclusão e conosco, que não tivemos a oportunidade dessa convivência. Esperamos que mais jovens venham a participar dos jogos paralímpicos, em todos os níveis. Parabéns a cada um de vocês que recebem, de forma merecida, essa bela homenagem”, disse o coordenador.

A professora Irani Oliveira, diretora da Seduc, enalteceu a iniciativa do deputado Lazinho da Fetagro de valorizar os atletas com a outorga de Voto de Louvor.

“Na verdade, tanto os atletas como todos os envolvidos que têm se dedicado a esse movimento que ajuda muito a projetar nossos alunos nos Jogos Paralímpicos. O deputado Lazinho tem sido um grande parceiro da Seduc, sempre tem estado lá na nossa pasta, buscando emendas para beneficiar estruturas de escolas, com recursos, muitas das vezes, voltadas a atender lá na ponta. Obrigada deputado, é um prazer estar aqui nesta tarde. Parabéns a todos”, disse a diretora.

O coordenador da Sejucel, Vanderlei Ferreira, como os demais, parabenizou o deputado Lazinho pela manifestação que, segundo ele, é dedicada a alunos, atletas, são filhos que por muitas vezes são esquecidos pela esfera governamental.

“Parabenizo também o professor Expedito por ter a iniciativa de procurar o deputado para promover esse importante momento. As políticas públicas do Governo muitas vezes são esquecidas para atender esse lado. Em 2019, nasceu a iniciativa e a vontade de fazermos um Centro Paralímpico no estado de Rondônia, ou pelo menos, uma referência. Conseguimos apresentar um projeto dentro do Comitê Paralímpico e esse projeto foi aceito, porém, passou despercebido. Em 2020, vieram os questionamentos e fizemos todas as ponderações e, no final deste mesmo ano, reapresentamos outro projeto. E para minha surpresa, no próximo dia 18 estaremos com a equipe do Paralímpico para discutirmos a possibilidade de criarmos o 11º Centro de Referência Paralímpica, no Brasil. Agradeço muito a Edislaine que me incentivou muito a fazer essa busca. Obrigado a todos, não há nada que pague esse reconhecimento”, concluiu.

Rondônia ficou em 2º lugar da região Norte nas Paralimpíadas Escolares e em 15º na classificação geral. A competição foi organizada pelo Comitê Paralímpico Brasileiro e mais de 20 alunos com deficiências representaram Rondônia no evento. A Delegação de Rondônia esteve presente em quatro modalidades e conquistou 24 medalhas, sendo 17 no atletismo, nove de ouro, cinco de prata e três de bronze. Uma medalha de ouro no bocha, duas de ouro no judô e quatro medalhas de ouro na natação.

Os atletas tiveram apoio do Governo por meio da Secretaria de Estado da Educação e da Federação Rondoniense Paradesportiva de Esportes. Após os comentários, o deputado outorgou a cada um dos destaques a outorga de Voto de Louvor.

Para concluir a solenidade, alguns homenageados fizeram o uso da palavra para relatarem histórias de superação e dedicarem agradecimentos a professores, apoiadores, familiares e ao deputado Lazinho da Fetagro, que encerrou a Sessão Solene.

“Além de agradecer a Deus por nos dar a vida, mas quero agradecer também a família, pais e mães de cada um de vocês, atletas, por terem colocado vocês no mundo e nos deram a graça e a benção de poder recepcioná-los nesta Casa de Leis. Nosso mandato agradece e eu também. Obrigado a todos”, concluiu Lazinho da Fetagro.

 

Texto: Juliana Martins/ALE-RO
Foto: Thyago Lorentz/ALE-RO

Notícias Relacionadas