Compartilhe
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
02
jul
2020

CAPTURADOS: Após fazer casal refém, assaltantes tentam fugir mas sofrem acidente

Após ter a casa invadida por assaltantes, um casal que mora no Centro de Chupinguaia foi vítima de roubo e cárcere privado. Os suspeitos que invadiram a casa e fugiram levando uma moto, deixando os moradores amarrados.

Os suspeitos chegaram à residência onde aconteceu o roubo, por volta das 6 horas da manhã do domingo (17). Encapuzados, disseram que queriam a moto do casal e entraram nos quartos a procura de dinheiro. Lá, ainda dispararam com uma arma de fogo. Após amarrar as vítimas e colocar panos em suas boas, os assaltantes fugiram levando a motocicleta, R$ 950 e três celulares.

O homem, que tem 48 anos, conseguiu se desamarrar e tentou ligar para a polícia. Como não conseguiu, foi ao quartel e relatou o caso. Em contato com as guarnições dos distritos, a PM de Chupinguaia soube que dois homens em uma moto com as mesmas características da que foi levada da vítima haviam sido vistos na RO-391, indo sentido ao distrito do Guaporé.

Diante da suspeita, os policiais do distrito de Novo Plano, que avistaram os suspeitos, passaram a segui-los e fecharam o cerco. Quando o homem que pilotava a moto tentou sair da estrada, caiu. Em seguida, ele e o comparsa foram capturados.

Já no quartel, ficou constatado que um dos envolvidos no roubo é um menor de idade. Já o outro suspeito tem 19 anos e disse que foram levados para Chupinguaia por volta das 5 horas da manhã por um morador de Vilhena. Esse homem seria também o dono da arma usada no assalto. Após o crime, o dinheiro e o revólver foram entregues para Junior, que voltou para onde mora.

Já sobre o disparo que feito dentro da casa das vítimas, o mais velho disse que aconteceu quando o menor bateu em sua mão, em um momento de pressa.

O Conselho Tutelar foi acionado para acompanhar o rapaz de 17 anos, que foi encaminhado para a Unisp de Vilhena, onde foram apresentados ao delegado de plantão.

Fonte: Rondoniaovivo

Notícias Relacionadas