Publicidade

Campanha Dengue_novembro_desktop

CCT debate implantação de cidades inteligentes no Brasil

0
Real Turismo

A Comissão de Ciência e Tecnologia (CCT) realiza nesta quarta-feira (4), às 10h, audiência pública para debater a implantação de cidades inteligentes no Brasil. A reunião foi requerida pelo senador Confúcio Moura (MDB-RO). A CCT vai apresentar ainda os principais programas do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) na área de criação e inovação de tecnologias para a comunicação digital e a educação.

As cidades inteligentes englobam projetos das tecnologias de informação e comunicação (TICs) no ambiente físico e institucional das cidades. As chamadas “smart city” utilizam digitalização, automação e até mesmo o uso de inteligência artificial para proporcionar mais segurança, estabilidade socioeconômica, sustentabilidade e redução de custo de vida.

O Programa Nacional de Estratégias para Cidades Inteligentes Sustentáveis do governo federal, lançado em julho deste ano, é responsável por estabelecer indicadores e metas, além de impulsionar soluções para a transformação das cidades brasileiras em cidades inteligentes. Localizada no Ceará, Smart City Laguna é a primeira cidade inteligente social do mundo.

Confúcio destacou que a aceleração do avanço tecnológico no Brasil vem estimulando o interesse dos gestores públicos para o crescimento humano e econômico dos seus municípios.

“Vamos debater os mais modernos projetos e programas de inovação tecnológica e elevarmos conhecimentos, destacando o desenvolvimento econômico e tecnológico das nossas cidades e cidadãos”, justifica o senador.

Foram convidados para o debate o diretor do Departamento de Inclusão Digital do MCTIC, Wilson Diniz Wellisch; o prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Júnior; o presidente da Telecomunicações Brasileiras S.A (Telebrás), Waldemar Gonçalves Ortunho Junior; o presidente executivo do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), Marcos Adolfo Ribeiro Ferrari; e o presidente da Claro Brasil, José Antônio Guaraldi Félix.

A audiência terá caráter interativo e ocorrerá na sala 15, da Ala Senador Alexandre Costa, no Anexo 2 do Senado.

da Agência Senado

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. AceitarVeja Mais