Compartilhe
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
02
fev
2021

Com bares e lanchonetes fechados há mais de 15 dias, casos de COVID-19 em Pimenta Bueno, seguem aumentando

por Roney Ribeiro

OPINIÃO –  O boletim diário do COVID-19 em Pimenta Bueno, que saiu na data de hoje, traz uma realidade que diverge das medidas adotadas pelas autoridades estaduais e municipais.

Com 241 casos ativos, contabilizando 48 novos casos e 30 curados no dia de hoje, Pimenta Bueno segue com os casos em alta, mesmo com o toque de recolher e com bares e lanchonetes fechados.

Os Governos do Estado, juntamente com o Prefeito da cidade, seguem impondo medidas duras aos comerciantes que vivem de vender seus produtos na noite, mas não conseguem explicar o motivo das medidas não estarem surtindo efeito.

O Prefeito Municipal de Pimenta Bueno, Arismar Araújo segue calado, dias atrás prometeu e não cumpriu a promessa (Veja aqui) de fazer um decreto municipal tratando do assunto, comerciantes que vivem da noite, vendendo pizza, cachorro quente, espetinhos, lanches, dentre outros produtos, seguem contabilizando a falência da sua saúde financeira de seus estabelecimentos e por consequência de suas vidas.

Quando o prefeito coaduna com o Governo do Estado, esquece-se que aqueles que vivem desse tipo de comércio, também possuem necessidades básicas, e por consequência dependem do trabalho para viver. É irresponsável o Governo do Estado e mais ainda o Prefeito, uma vez que esse último convive diariamente com seus munícipes, e conhece ou ao menos deveria conhecer a realidades dos seus.

A doença é real, fatal em alguns casos, e deve ser tratada com muita seriedade pelas autoridades. Entretanto não é penalizado alguns poucos comerciantes que irá resolver o problema, os números não mentem, e não fazem isso quando mostram que os ativos voltam a subir, e tão pouco quando demonstra de forma clara a incompetência de um município que possui 04 pessoas internadas na rede de saúde municipal, e diz que se encontrar em colapso.

O colapso é moral, pela imoralidade de manter suas regalias de servidor público, com seus vencimentos em dias, e impor a falência de centenas.

Quase todo bom seguidor fervoroso do “fica em casa”, é como o prefeito, servidores públicos que não contribuíram com R$ 0,01 de seus vencimentos enquanto o setor privado encontra-se em uma das mais profundas crises dos séculos.

COVID EM RONDÔNIA COMEÇA A CONTAMINAR DEPOIS DAS 21h, antes disso ele descarta qualquer possibilidade de contaminação, o vírus se mostra muito mais inteligente que prefeitos e governadores.

É vergonhoso.

Notícias Relacionadas