Compartilhe
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
22
nov
2020

COVID-19: Testes em massa diferenciam Pimenta Bueno de Espigão do Oeste

Os números de infectados em Pimenta Bueno, tem crescido de forma exponencial nos últimos dias, enquanto Espigão do Oeste se mantém estável com pouquíssimos casos de contágio nos últimos dias.

Ontem (17), Pimenta Bueno revelou a quantidade de testes feitos, e o número revela uma possível estratégia do município em testar e isolar os infectados por COVID-19. Entre testes rápidos e Swab foram feitos aproximadamente 1.410 (mil quatrocentos e dez) testes no município.

Pimenta Bueno até o último boletim diário (17), confirmou 119 casos e tem 03 pacientes internados, sendo 01 internado no hospital regional de Cacoal e outros 02 internados no hospital municipal, em ambos os casos, trata-se de suspeita de COVID-19, não foi confirmado ainda a doença, além de 03 óbitos confirmados.

Espigão do Oeste

Já em Espigão do Oeste, a realidade de testes é totalmente diferente, segundo os boletins divulgados pela Secretaria de Saúde local. Desde o dia 09 de junho o número de casos descartados segue em 74, e neste dia os notificados e monitorados por 14 dias eram 09.

Ontem (17) o boletim divulgado apontava os mesmos 74 casos descartados, e o número de monitorados subiu para 33 casos.

O que revela que Espigão do Oeste tenha feito até o momento aproximadamente 112 testes até aqui, contrariando inclusive as recomendações do Ministério da Saúde e da Secretária de Saúde Estadual que adotou a testagem em massa e isolamento como uma das formas de combater o coronavírus.

No boletim, Espigão do Oeste segue com 02 casos ativos, e 34 curados contabilizando ainda 02 mortes.

Espigão do Oeste dificulta e nega acesso a informação

Quando surgiu os primeiros casos, e os problemas no enfrentamento dentro da saúde pública em Espigão do Oeste, foi feito um requerimento on-line solicitando informações sobre as medidas adotadas, bem como a quantidade de testes que foram feitos e os que estavam disponíveis para testar a população.

Até o fechamento dessa matéria, a única resposta ao requerimento é de que deveria ser feito outro requerimento que atendesse a um Decreto Municipal, não respeitando a Lei Federal de acesso a informação. Foi feito um recurso, contudo, passados 10 dias ainda não obtivemos respostas da Prefeitura Municipal de Espigão do Oeste

Estaria a Prefeitura de Espigão do Oeste, querendo esconder informações da população de Espigão do Oeste?

Notícias Relacionadas