Publicidade

Publicidade

Espigão do Oeste: Juiz Federal determina que entidades não utilizem madeiras que foram doadas

Entidades devem se abster de utilizar as madeiras até a solução do mandado de segurança.

0
Real Turismo

Mais um capítulo judicial da Operação Honoris do IBAMA em Espigão do Oeste, o Juiz Federal da 5ª Vara Ambiental e Agrária SJRO, deferiu parcialmente uma liminar para uma das empresas fiscalizadas, aonde determinou que as madeiras doadas, não sejam utilizadas pelas entidades.

Toda o produto florestal em toras da empresa, foi doado pelo IBAMA, que na época, desconsiderou todo o documento florestal apresentado pela empresa. A alegação da autarquia federal é de que o estabelecimento não apresentou a cadeia de custódia dos produtos, que é uma exigência que consta em uma normativa do próprio IBAMA.

Todavia, o Juiz Federal ao analisar o pedido da empresa e os documentos apresentados em juízo, constatou que a mesma atua de forma regular no mercado madeireiro, e sendo assim o órgão ambiental não deveria restringir arbitrariamente, sem oportunizar o contraditório.

“Não há qualquer proporcionalidade em apreensão e imediata doação de todo o produto florestal existente no pátio da empresa.” – Juiz Titular da 5ª Vara. Especializada em material Ambiental e Agrária da SJRO

Ao final da decisão, o Juiz Federal determina que seja notificada as entidades donatárias, para que se abstenham de utilizar as madeiras até que seja solucionado o mandato de segurança.

As entidades já foram identificadas, a decisão é do dia 04 de setembro.

Em face do exposto, DEFIRO PARCIALMENTE a liminar postulada e DETERMINO ao SUPERINTENDENTE do INSTITUTO BRASILEIRO DO MEIO AMBIENTE E DOS RECURSOS NATURAIS RENOVÁVEIS que proceda a liberação de acesso e operação do sistema DOF em favor da Impetrante, assegurando o livre exercício de sua atividade econômica, determinando, ainda, a eventuais entidades donatárias para abstenção de utilização das madeiras até solução deste mandamus. Notifique-se.

por Portal Espigão
da Portal Espigão

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. AceitarVeja Mais