Compartilhe
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
13
set
2021

Governo de Rondônia assina Ordem de Serviço para asfaltar trecho de dez quilômetros da RO-133 em Espigão do Oeste

Com o objetivo de proporcionar melhores condições de trafegabilidade, na última sexta-feira (10), o Governo de Rondônia assinou a Ordem de Serviço (OS) para o início das obras na RO-133, conhecida como Rodovia do Calcário, em Espigão do Oeste. O governador Marcos Rocha, esteve no local e anunciou que a rodovia receberá pavimentação asfáltica em dez quilômetros, além de serviços de drenagem e sinalização viária em um trecho da RO-387 até à Usina de Calcário instalada na cidade.

Antes de assinar o termo que formalizou o início das obras, Marcos Rocha enfatizou os esforços do Poder Executivo rondoniense para economizar dinheiro público, priorizando o investimento em demandas que garantem o ritmo de desenvolvimento do Estado.

“Investir na revitalização desta rodovia torna o nosso Estado cada vez mais valorizado, uma vez  que somos “Triplo A” na economia, o que abre portas para instalação de novas empresas e, consequentemente, oferece oportunidades de empregabilidade aos nossos rondonienses. Que nossa Rondônia prospere e que estejamos sempre em busca do bem”, ponderou Marcos Rocha.

Presente na cerimônia, o diretor-geral do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transporte (DER), Elias Rezende, ressaltou que a RO-133 tem aproximadamente 50 quilômetros de extensão, e o órgão público tem realizado diversos serviços para disponibilizar o acesso, como encascalhamento, drenagem e reconformação de plataforma. Porém, a chegada da pavimentação asfáltica possibilitará maior durabilidade e segurança na estrada.

“Hoje é um dia de muita alegria para a história de Espigão do Oeste, e este trabalho se dá com a dedicação do Governo de Rondônia, a vontade do município e o apoio dos nossos parlamentares estaduais que estão sempre exigindo melhorias para a região”, comentou Rezende.

“Quero agradecer a Deus pela importante parceria que temos com o governador Marcos Rocha em inúmeros projetos, e desta vez, ele nos ajuda na chegada desta obra que vai beneficiar a cidade. Esse evento nos traz esperança e dias melhores, na nossa economia reforçada por uma agricultura pujante, que precisa desta estrada para que permaneça fortalecida”,  destacou o prefeito do município de Espigão do Oeste, Welinton Pereira Campos.

Na solenidade de assinatura da ordem de serviço, estiveram presentes o vice-governador do Estado, Zé Jodan, o diretor-presidente da Companhia de Mineração de Rondônia (CMR), Euclides Nocko, o secretário-chefe da Casa Civil, Júnior Gonçalves, a gestora da Secretaria de Estado de Assistência e Desenvolvimento Social (Seas) Luana Rocha, o secretário Executivo Regional, José Moura dos Santos, o vice-prefeito de Espigão do Oeste, Darci Kischener, o presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE) Alex Redano, os deputados estaduais: Luizinho Goebel, Ismael Crispin, Cirone Deiró, vereadores e entre outras autoridades locais.

NOVA REALIDADE

Para os moradores, a chegada desta obra beneficiará não apenas o transporte de caminhões de carga saindo da Usina de Calcário ou de outras empresas da localidade, mas, principalmente às famílias que vivem próximas à rodovia estadual. Eles relataram os problemas enfrentados pela população, como o excesso de poeira no verão amazônico e muita lama e barro na época das chuvas.

Segundo Nelson Pereira dos Santos, que reside perto da Rodovia do Calcário, as reclamações dos moradores são evidentes, pois muitas pessoas têm que se deslocar todos os dias para o trabalho durante a semana. Ele também destacou o atual período de inverno amazônico que torna a situação ainda mais preocupante. “Só nesta região, eu moro há mais dez anos, e sei o quanto o povo de Espigão precisa de uma estrada mais trafegável e com menos acidentes. Agradeço ao Governo de Rondônia por trazer asfalto à nossa estrada, e parabenizo todas as autoridades que se comprometeram com essa grande conquista”.

A pavimentação asfáltica em Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ) e demais serviços complementares na RO-133, tem um investimento de mais de R$ 13,7 mi (treze milhões e setecentos mil reais) da Fonte Contribuição de Intervenção do Domínio Econômico (Cide), cuja deliberação aos Estados ocorre por meio de parceria entre o Governo de Rondônia e o Governo Federal, pelo Ministério da Infraestrutura.

De acordo com o DER, uma empresa privada é quem executará as obras, no prazo de 14 meses ou 420 dias consecutivos.

Fonte: Governo de Rondônia

Notícias Relacionadas