Compartilhe
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
10
ago
2020

Lúcia Tereza defende a implantação do projeto “Escola Integral” no estado

Segundo a parlamentar o projeto  irá proporcionar melhorias na educação de Rondônia.

A deputada Lúcia Tereza (PP) no inicio da semana se reuniu com o governador Confúcio Moura (PMDB) onde a pauta principal foi a implantação do projeto “Escola Integral” nas escolas da rede estadual de ensino. Segundo a deputada Lúcia que é a presidente da comissão estadual de educação, a conversa com o governador foi bastante produtiva ficando acordada a inclusão de 20 escolas estaduais no projeto.

“Escola Integral”“É uma conquista para milhares de alunos que passarão a ter um acompanhamento mais detalhado de seu aprendizado”. Afirmou a parlamentar citando o empenho e a dedicação da secretária de estado da educação, professora Aparecida de Fátima Gavioli Soares Pereira (SEDUC) na defesa do projeto junto à esfera federal para emplacar essa iniciativa no Estado de Rondônia. A partir de fevereiro um total de 20 escolas adotará o sistema com a implantação do projeto “Escola Integral” envolvendo aproximadamente 10 mil alunos do ensino médio.

Graças à gestão da deputada Lúcia Tereza junto ao Governador Confúcio Moura, o município de Espigão do Oeste foi contemplado com a sua inserção no projeto “Escola Integral”.

Ao falar de mais essa conquista para o município, principalmente na área da educação, a deputada Lúcia Tereza agradeceu ao governador Confúcio e a secretária Fátima pela inclusão da escola Sete de Setembro dentro dos 20 estabelecimentos de ensino estadual a serem contemplados com a implantação do projeto “Escola Integral”.

“É a escola pioneira do município e possui todas as estruturas que atende aos requisitos exigidos para a inclusão no programa”

Citou a parlamentar ao informar que o projeto “Escola Integral” já esta em funcionamento em vários entes federativos e dando bons resultados no IDEB nacional. “Se o projeto esta dando resultado em outras regiões o porquê de não utilizarmos aqui também”. Concluiu a deputada Lúcia ao se mostrar bastante feliz pela definição da escola Sete de Setembro em receber o projeto Escola Integral.

Notícias Relacionadas