Compartilhe
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
23
Maio
2020

O comércio começa a sentir todo o peso da crise

dia das mamaesO primeiro setor que sente a crise é o comércio lojista. É nele que desagua, antes de qualquer outra área, o resumo da problemático de uma economia errante, como está a nossa. Para se ter ideia da situação, pesquisa nacional aponta que 53 por cento dos brasileiros não pretendem fazer compras à prazo neste ano. Ou seja, um dos principais pilares do comércio (o carnê, as prestações), passa a ser assustadora para os consumidores. Aqui em Rondônia, é claro, a situação ainda não é tão preocupante (Ah, se não fosse o agronegócio!), mas mesmo assim já há lojistas arrancando os cabelos e tentando saídas para não precisar desistir do seu negócio. Em Porto Velho, a situação não é diferente. Em comum com todo o país, os comerciantes da Capital têm que pagar os mais altos impostos do mundo; uma energia elétrica com custo absurdo; a crise geral da economia, a volta da inflação e o risco do desemprego. Mas há particularidades locais que ajudam a piorar o quadro e antever as vendas do Dia das Mães (segunda melhor data do ano para o comércio), com queda muito acima do esperado.

Há fatores diferenciais, que prejudicam mais o comércio de rua do que o do Shopping. Primeiro: a falta de segurança. Não há policiamento nas áreas comerciais da cidade. Outro: falta de vagas para estacionamento. Sem controle, há quem deixe seu carro mp mesmo local de manhã e só saia dali à noite. Nos estacionamentos privados, os preços cobrados são, no sentido figurado, um verdadeiro assalto. O terceiro – e aí atinge mais o Shopping – são os preços muito mais altos, que afastam o consumidor nas crises. O comércio corre perigo em todo o país. Em Porto Velho, então, a hora é de usar toda a criatividade para vender, acender velas para os santos e partir para  a reza. Porque, afora isso, há muito pouco a fazer.

 

HERÓI DA PÁTRIA

O Governo de Rondônia promove uma grande homenagem aos 150 de nascimento do Marechal Cândido Rondon, certamente o maior herói brasileiro que a Amazônia conheceu. O Marechal, que deu o nome ao Estado de Rondônia, já é considerado Herói da Pátria, graças a um projeto aprovado no Congresso. Nesta terça, dia  em que se comemora 150 anos de marechal Rondon, o governo de Rondônia em parceira com os Correios, Porto Velho Shopping e 17ª Brigada de Infantaria e Selva realiza a abertura de uma exposição sobre Rondon e o lançamento do selo comemorativo. O evento será às 16h, no Porto Velho Shopping.

 

LEIS DO CRIME

 

Uma longa carta, que é uma espécie de Constituição do Crime, com um total de 18 itens, foi encontrada com presos, numa revista no Urso Branco. Trata-se de um documento oficial do PCCm o Primeiro Comando da Capital, dando ordens sobre como deve funcionar a estrutura dentro dos presídios; o tratamento aos membros do grupo; as missões que eles devem cumprir quando saem da cadeia e até o assassinato de agentes da lei. É com este tipo de gente, que de dentro das cadeias organiza todo o tipo de crime fora delas, que os famosos amigos dos criminosos defendem os direitos humanos deles. Nunca de suas vítimas.

 

SANGUE COM SANGUE

No final da carta que orienta como a bandidagem deve agir dentro e fora das cadeias, os presos são orientados a matar agentes penitenciários e policiais civis e PMs, caso eles matem algum membro do PCC. “Se alguma vida for tirada por nossos inimigos, os integrantes do Comando devem se unir e dar o mesmo tratamento que eles merecem. Vida se paga com vida e sangue se paga com sangue”, conclui a Bíblia do PCC, que é quem realmente manda nos presídios de Porto Velho, de todo o Estado e se espalha pelo país todo.

 

LIGAÇÃO AÉREA

 

Uma empresa séria, genuinamente rondoniense, com gente dedicada e competente: assim é a Rima  Transportes Aéreos, que começou, nesta segunda, seus voos diários entre Cacoal e Porto Velho, com um voo saindo de lá às 7h30 da manhã e retornando à cidade do interior às 16h. Com preços acessíveis, pelo serviço que presta e pela forma como facilita a vida dos seus passageiros, a Rima começa com um avião que pode transportar onze pessoas. Em breve, expandirá o serviço com outro avião, maior e mais moderno. Merece elogios pela iniciativa. É uma empresa nossa, que cresce junto com Rondônia.

 

DILMA FORA

O que estará acontecendo? Pela primeira vez em muitos anos, a presidente Dilma Rousseff não estará presente na propaganda eleitoral gratuita do PT, que vai ao ar na noite desta terça. Os petistas de alto escalão estão furiosos com a decisão. Restou então dar todo o destaque para o discurso raivoso do ex presidente Lula, que vai bater duro na imprensa e nos que acusam seu governo e seus companheiros pela roubalheira generalizada que assola o Brasil. Lula vai repetir que a culpa é das “zelites” e falar bem do PT, é claro.

 

PERGUNTINHA

Com a crise na economia, a volta da inflação e o risco de mais desemprego, você está conseguindo pagar em dia todas as suas contas?

Notícias Relacionadas