Compartilhe
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
02
dez
2020

Prefeita Lebrinha tem pedido de prisão domiciliar negado pelo Supremo

A prefeita  o município de Sâo Francisco, Gislaine Clmente, a Lebrinha, presa pela Polícia Federal desde o dia 25 de setembro na Operação Reciclagem, teve seu pedido de prisão domiciliar  negado pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal.

No vídeo, com imagens da prisão, Lebrinha aparece recebendo propina de um esquema que desviava dinheiro advindo do serviço de coleta de lixo do município e escondia no forro de sua casa.

No pedido, a defesa alegou que ela é mãe de uma criança de cinco anos de idade  e que precisa de cuidados especiais, mesmo argumento usado anteriormente e negado pelo Superior Tribunal de Justiça – STJ.

CONFIRA O QUE DISSE O MINISTRO DENEGANDO O PEDIDO

“Destarte, como não se trata de decisão manifestamente contrária à jurisprudência do STF ou de flagrante hipótese de constrangimento ilegal, com fulcro na Súmula 691/STF e no art. 21, § 1º, do RISTF, nego seguimento ao habeas corpus”, decidiu Edson Fachin.

Fonte: Rondonoticias

Notícias Relacionadas