Compartilhe
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
08
nov
2021

Rondônia recebe nova remessa de vacinas contra covid-19 nesta quarta-feira, 8; doses foram entregues pelo Ministério da Saúde

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), entregou nesta quarta-feira (08), mais 102.640 doses da vacina contra a covid-19, na Central Estadual da Rede de Frio, em Porto Velho. A nova remessa foi enviada pelo Ministério da Saúde (MS) para imunizar a população prevista no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação (PNO).

Nesse lote foram recebidas 38.290 doses da vacina CoronaVac, e 64.350 doses da vacina Pfizer, que contemplam a 1° e 2° dose para população a partir de 12 anos.

As novas doses fazem parte da soma dos imunizantes recebidos na última sexta-feira (3), com 16.380 da Pfizer; no domingo (5), quando foram recebidas 38.290 doses da CoronaVac; segunda-feira (6), com 19.990 doses da Pfizer; e quarta-feira (8) com 28.080 doses da Pfizer.

Todas as doses recebidas serão destinadas às Regionais de Saúde do Estado. São 23.436 doses para a regional de Ji-Paraná; 11.508 para a regional de Cacoal; 10.258 para a regional de Vilhena; 16.643 para a regional de Ariquemes; 10.871 para a regional de Rolim de Moura e 46.714 para a regional de Porto Velho.

Com a nova remessa, Rondônia contabiliza 1.918.608 doses de vacinas contra a covid-19 recebidas do Governo Federal, sendo:

CoronaVac: 644.848

AstraZeneca: 679.150

Pfizer: 559.260

Janssen: 35.350

O diretor-geral da Agevisa, Gilvander Gregório de Lima, reforçou a importância de a população cumprir com as medidas preventivas contra a doença, além da imunização com as 1ª e 2ª doses. Ainda destacou que a partir da segunda quinzena de setembro, uma nova remessa com imunizantes para terceira dose, deve chegar para grupos específicos do Plano Nacional de Operacionalização de Vacinação (PNO). O Ministério da Saúde (MS) informará quem serão os grupos, a quantidade e a data para chegada desta nova remessa.

O Governo de Rondônia está empenhado no plano nacional de aceleração da vacina. Lembramos que ainda se faz necessário a manutenção das medidas de prevenção, tais como: uso de máscara; distanciamento social; etiqueta respiratória.

Somente desta forma, a vacinação será uma medida preventiva para redução da ocorrência de casos graves e óbitos.

Fonte: Governo de Rondônia

Notícias Relacionadas